Últimas

Polícia identifica principal suspeito da morte de idosa de 106 anos no Maranhão


Até o momento, a principal linha de investigação aponta que Antônia foi morta porque teria reconhecido o assassino quando ele invadiu a casa.  



O delegado Fagno Vieira, que comanda as investigações da morte de Antônia Conceição da Silva, de 106 anos, em Feira Nova do Maranhão, afirmou que já tem o nome do principal suspeito do assassinato. Segundo investigações, o criminoso estaria em uma festa que acontecia perto da casa de Antônia e sabia que ela estava sozinha. O delegado disse que precisa juntar mais provas para pedir a prisão do homicida.

O laudo sobre a causa da morte da idosa também foi concluído e diz que ela sofreu traumatismo encefálico. As investigações apontam que a idosa chegou a ser arrastada pelos cômodos da casa antes de morrer. Até o momento, a principal linha de investigação aponta que Antônia foi morta porque teria reconhecido o assassino quando ele invadiu a casa.





O CRIME

Antônia Conceição da Silva, de 106 anos, foi assassinada a pauladas dentro da sua casa na madrugada desse sábado (17). Segundo a polícia, a idosa estava sozinha quando um homem entrou por um buraco feito no telhado.

O neto da vítima, que morava com ela, havia ido para uma festa e, quando retornou, encontrou a avó morta. Ainda segundo a polícia, ao ser encontrado, o corpo da idosa estava com sinais de estrangulamento e espancamento. Um bastão de madeira com marcas de sangue pode ter sido a arma do crime.





Nenhum comentário