Últimas

Maura Jorge, em debate, critica política de segurança do governo do Maranhão



A pré-candidata criticou a política de segurança do estado que se resume, segundo a ela, a divulgar a compra de viaturas. 




Em entrevista na manhã desta quarta (13), a pré-candidata ao governo do estado Maura Jorge deu uma entrevista que, dado seu conteúdo, pode ser considerada histórica. Pela primeira vez em décadas, um político maranhense afirmou que o tráfico de drogas deve ser combatido ferozmente. Pela primeira vez em 2018 uma proposta de interesse público relevante foi colocada em destaque ao invés da dicotomia “sarneys versus anti-sarneys”.

Não é preciso ser especialista para perceber que o tráfico, como bem disse Maura na entrevista, destrói famílias e é uma das grandes pragas dos tempos atuais.

Uma política de segurança não pode se resumir a aquisição de viaturas, como o governo faz questão de mostrar em sua propaganda. Em minha opinião, é preciso combater o crime. E hoje o grande inimigo a ser combatido é o tráfico de drogas”, disse Maura Jorge.



Em mais de vinte acompanhando o noticiário local e em outros quinze como jornalista, eu nunca tinha presenciado um político agir de forma tão incisiva contra o tráfico de drogas.

Covardia? Incapacidade? Conivência? Eu realmente não sei explicar. A única certeza é a de que Maura Jorge trouxe para o debate uma questão fundamental que passou despercebida, PELA CLASSE POLÍTICA, por anos.

O gesto de Maura Jorge deve ser seguido pelos demais e, quem sabe assim, teremos o primeiro assunto verdadeiramente pertinente debatido nas eleições. Algo muito mais salutar do que a dicotomia imbecil sarneys versus anti-sarneys proposta pelo governador Flávio Dino.

Nenhum comentário