Últimas

Vendas de smartphones caem 2,9% em todo o mundo


O alto preço de dispositivos topo de linha levou muita gente a pisar no freio e aguardar um pouco mais antes de trocar de aparelho.



O mercado de smartphones apresentou queda de 2,9% entre janeiro e março deste ano, com 334,3 milhões aparelhos comercializados em todo o mundo. Os dados são da IDC, que apontou para a China como o motor dessa pequena retração. O motivo é redução no ciclo de atualização de aparelhos que afetou todo o mundo, mas teve o país asiático como principal atingido pelo movimento desacelerado.



No mesmo período de 2017, por exemplo, foram 344,4 milhões de dispositivos vendidos em todo o mundo. Enquanto isso, entre janeiro e março de 2018, somente o mercado chinês movimentou 100 milhões de unidades a menos, apresentando uma retração que não acontecia desde 2013 – mas, agora, é digna de mais atenção, pois estamos falando de um mercado emergente, cuja queda foi movida não por uma crise econômica ou mudanças nos rumos da nação, mas pela visão dos próprios consumidores.

A ideia é a mesma para todas as regiões do mundo: o alto preço de dispositivos topo de linha levou muita gente a pisar no freio e aguardar um pouco mais antes de trocar de aparelho.

A Samsung se manteve na liderança, com 23,4% de todos os smartphones vendidos no primeiro trimestre de 2017. A companhia sul-coreana, entretanto, comercializou 2,4% menos em relação ao mesmo período do ano passado. A Apple permaneceu na segunda posição, com 15,6% dos dispositivos vendidos no período e reduzindo a diferença para sua principal rival, apresentando um crescimento de 2,8%.

Fonte: IDC



Nenhum comentário