Últimas

"Começamos com o pé direito", diz Geraldo Alckmin em pré-campanha em São Luis



Na primeira viagem ao Nordeste desde que deixou o governo paulista, o pré-candidato a presidente Geraldo Alckmin (PSDB) foi recebido com festa em São Luis, no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, onde mais de 2 mil pessoas, de várias regiões, se concentraram para ouvi-lo. Ele foi recepcionado pelo senador Roberto Rocha, pré-candidato a governador do Estado.


Alckmin disse que o objetivo da visita a São Luís era a arrancada para reverter os baixos índices de popularidade e anunciou que aguarda o anúncio da adesão de cinco partidos à sua candidatura, a partir de quando deve haver um crescimento nas intenções de voto a seu favor.




Alckmin disse durante discurso que, se eleito presidente, suas prioridades serão desenvolvimento e geração de empregos, Saúde, Segurança Pública e Educação, ações que, segundo ele, vão beneficiar a vida dos que estão angustiados por uma oportunidade de trabalho, dos que sofrem nas filas dos hospitais públicos, dos assustados pela violência (principalmente urbana) e dos que precisam de qualificação para disputar o mercado de trabalho ou empreender.
 

Alckmin lembrou que foi o seu partido que criou, quando Fernando Henrique Cardoso era presidente, os programas sociais que foram ampliados nas gestões de Lula e Dilma, como Bolsa Família, Luz para Todos, Minha Casa Minha Vida e outros, que tinham outras denominações: Bolsa Escola, Luz no Campo e PAR.

Foi importante o aumento que tiveram (nas gestões petistas), mas é preciso lembrar quem teve a sensibilidade para criá-los”, disse ele, afirmando ter esta vocação, pois, como médico, sua principal missão é melhorar as condições de vida das pessoas.

Na capital maranhense, Alckmin cumpriu uma agenda extensa, que começou na sexta-feira à noite, na Universidade Ceuma, onde participou de um debate com estudantes; seguido de um encontro com a classe empresarial; e neste sábado participou da inauguração da nova sede do partido, no bairro da Ponta d´Areia, e da festa com a militância, que reuniu caravanas de diversos municípios.



Nenhum comentário