Últimas

Universitário mata pai idoso a facadas e incendeia o corpo


Lucas ainda admitiu que ateou fogo no corpo para tentar simular um incêndio e apagar os vestígios do crime de homicídio.


Lucas de Sousa Almeida, estudante universitário do CEUMA do Renascença, preso por matar o pai a facadas e incendiar o corpo

Lucas de Sousa Almeida, estudante universitário do CEUMA do Renascença, foi preso dentro da sala de aula pela Polícia Civil do Estado do Maranhão, por ter assassinado o pai a facadas e, em seguida, queimar o corpo do senhor José Bonifácio de Almeida, 75 anos.

O idoso foi amarrado, esfaqueado e, em seguida, colocado em uma rede onde foi incendiado.

O corpo foi encontrado no último dia 30 de março, no interior do imóvel da vítima, localizado na Rua 21 de Abril, Vila Tiradentes, Área da Vila Maranhão, em São Luís.


O Plantão Central de Homicídios da SHPP, após fazer a investigação de local de crime, representou pela prisão temporária que foi cumprida esta semana pela Delegacia de Homicídios da Área Sul.

O parricida confessou o assassinato, sustentando que teria sido agredido pelo pai quando tentava manter uma conversa amistosa. Lucas ainda admitiu que ateou fogo no corpo para tentar simular um incêndio e apagar os vestígios do crime.

Estudantes e colegas de classes que ficaram estarrecidos com a ocorrência e frieza de Lucas que continuou a ir para as aulas como se nada tivesse acontecido.

Fonte: Blog do Gilberto Lima

Nenhum comentário