Últimas

Homem é vítima de latrocínio ao marcar encontro na litorânea


A Polícia Militar conseguiu localizar os criminosos, e todos estão presos.

  Fernando Tadeu Costa da Silva, de 53 anos, vítima de latrocínio ao marcar encontro na litorânea

Um homem foi vítima de um latrocínio na praia da Litorânea na noite dessa segunda-feira (23). Fernando Tadeu Costa da Silva, de 53 anos, foi agredido com pauladas e esfaqueado por três suspeitos.

VEJA TAMBÉM

• Bandida que atraiu economista para emboscada mortal dá detalhes do crime

Segundo informações policiais, a vítima tinha um encontro marcado com Andréa da Silva Ferreira, de 23 anos, que atraiu Fernando para o local, onde já estavam os outros três bandidos identificados como Glaubert Ferreira Silva, de 18 anos, Jorge Anderson Veloso Barbosa, de 22, e Ramon Façanha Gomes, também de 22 anos.

Eles abordaram o homem que foi, brutalmente, espancado e teve o carro roubado. Ele chegou a ser levado ao Hospital Municipal Djalma Marques (Socorrão I), mas não resistiu.





A Polícia Militar conseguiu localizar os criminosos, e todos estão presos. Eles prestaram esclarecimento no Plantão das Cajazeiras. Com eles, foi apreendido um carro de passeio e pertences da vítima.

DETALHES DO CRIME

O delegado Vilamar Alves apurou que Andréa atraiu a vítima e marcou um encontro na Litorânea. Chegando ao local, Tadeu foi surpreendido pela presença dos três homens, sendo que Jorge Anderson é marido de Andréa, como informou o delegado. O primeiro golpe foi uma paulada na cabeça. A vítima não reagiu mais depois do primeiro golpe, mas o Glaubert, ainda assim, esfaqueou Fernando quatro vezes.

No domingo, Andréa conheceu a vítima em uma das praias ao longo da avenida. Eles trocaram telefones e marcaram o encontro para o dia seguinte, por volta das 19h, no mesmo local. O ataque foi quando a vítima estava na areia, de costas para a avenida, bem próxima ao mar.

Depois disso, eles fugiram. O casal ficou nas proximidades ainda da avenida e os outros dois foram localizados na área da Lagoa da Jansen. Em depoimento, o bando disse que o carro roubado seria levado para cidade de Itapecuru-Mirim, distante 118 km de São Luís, cidade de Andréa.



Nenhum comentário