Últimas

Dirigentes de times paraibanos são acusados de pagar propina a árbitros, revela Fantástico


Dirigentes de times paraibanos são acusados de pagar propina a árbitros, revela Fantástico


O campeonato paraibano de futebol deste ano, que terminou no domingo (8), está sob suspeita.

A polícia investiga um grande esquema de manipulação de resultados em diversas partidas da série A. Dirigentes de clubes são suspeitos de pagar propina para árbitros e bandeirinhas, para garantir a vitória nos jogos. Segundo a polícia, até o presidente da Comissão de Arbitragem do estado estava envolvido na fraude revelada pela Operação Cartola.



Segundo as duas testemunhas, o árbitro escolhido recebia propina para garantir a vitória do time corrupto no campeonato.

 - Valendo classificação, R$ 30 mil, R$ 35 mil... Um jogo normal chega a R$ 12 mil, R$ 13 mil, R$ 15 mil - revela um outro árbitro autor das denúncias. 

 Depois das denúncias, a Polícia passou a acompanhar os jogos e hoje são 60 pessoas investigadas (número este que pode chegar a 80, segundo o delegado Lucas Sá. 

Entre os vários jogos sob suspeita de terem sido manipulados, os investigadores revelaram ao Fantástico apenas três, todos envolvendo o campeão Botafogo-PB. Mas todos os clubes participantes da primeira divisão deste ano estão sendo investigados.

De Fantástico


Nenhum comentário