Últimas

Bita do Barão já começou a bater tambores em favor da campanha de Roseana Sarney


“Minha canela e joelho vão arder até a minha comadre ganhar”, disse o macumbeiro em entrevista à revista VEJA.

  Bita do Barão já começou a bater tambores em favor da campanha de Roseana Sarney

Bita do Barão, o macumbeiro mais famoso do Maranhão foi destaque na Revista Veja desta semana.

Em entrevista à revista,  ele revelou que já iniciou os “trabalhos” para eleger Roseana Sarney (MDB), governadora pela quinta vez. (Veja entrevista completa aqui)

Roseana Sarney e o bruxo se encontram com frequência, na residência dela em São Luís ou no terreiro dele, em Codó. Ele conta que já começaram as rezas e os banhos no Rio Itapecuru para que Roseana seja eleita e exerça seu quinto mandato como governadora do Maranhão. 




“Minha canela e joelho vão arder até a minha comadre ganhar”, diz.

A filha de Sarney não percorre as estradas esburacadas que ligam São Luís a Codó e bem visita os povoados mais miseráveis da região. Viaja de helicóptero até a cidade, cujo Índice de Desenvolvimento Humano é 0,595 (equivalente ao da República do Congo e ao da Guiné Equatorial). Roseana desce no aeroporto privado do empresário Francisco Carlos de Oliveira, pai do prefeito da cidade, Francisco Nagib de Oliveira.



Por meio da assessoria de imprensa, Roseana diz não ser mandingueira e reforça suas crenças católicas. “Todos que conhecem a minha história sabem da minha extrema fé em Deus”, diz.

O bruxo revela também que João Alberto (MDB) e Edison Lobão (MDB), mantém relação com o Bruxo de Codó.

Ele diz incorporar divindades para públicos que vão de mais de 1 000 pessoas a, eventualmente, um único cidadão, sempre paramentado com colares, pulseiras e anéis de ouro genuíno.

Bita é dono de cinco fazendas, um hotel e um posto de gasolina, entre outros negócios. Ele diz que é especializado em trabalhar o lado “direito”, do bem, a favor de objetivos positivos e sem o uso de bichos. “Não gosto de trabalhar com o Satanás, para prejudicar, mas as pessoas me pedem por achar que sou bruxo”, afirma


Nas campanhas políticas vale tudo para conseguir votos. Muitos acendem uma vela pra Deus e outra pro diabo pra ver quem ajuda mais.






Nenhum comentário