Últimas

42 criminosos não voltaram do 'saídão da Páscoa' para o presídio de Pedrinhas


Os condenados deveriam se reapresentaram até as 18h de terça-feira, 03

Dos 679 bandidos que foram beneficiados com saídão de Páscoa no dia 28 de março, 42 não retornaram para o presídio de Pedrinhas.
Segundo a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), os condenados deveriam se reapresentaram até as 18h de terça-feira, 3, conforme determinação do juiz Márcio Castro Brandão, da 1ª Vara de Execuções Penais. Nas cinco saídas temporárias do ano passado foram beneficiados 2.937 detentos, mas 225 não retornaram à unidade prisional.



Nenhum comentário