Últimas

Dias Toffoli solta Maluf justificando "fundamento humanitário"


Paulo Maluf é condenado por lavagem de dinheiro

Paulo Maluf é condenado por lavagem de dinheiro e foi solto por Dias Toffoli

Dias Toffoli concedeu prisão domiciliar ao ex-prefeito de São Paulo, Paulo Maluf, que se entregou à PF no dia 20 de dezembro e estava preso na Papuda, condenado a 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão em regime fechado pelo crime de lavagem de dinheiro.

O ministro do STF justificou a soltura de Paulo Maluf, com o “fundamento humanitário”.



“Entendo presente, pelo fundamento humanitário, razões para os fins de concessão da liminar (…). Destaco haver documentos juntados pela defesa que demonstram que o paciente (de 86 anos), passa por graves problemas relacionados à sua saúde no cárcere”, escreveu o futuro presidente do STF.

Maluf está preso desde dezembro no Complexo Penitenciário da Papuda e, nesta quarta (28), foi internado em um hospital em Brasília. A defesa do parlamentar alega saúde frágil e apresentou um pedido de liberdade ou prisão domiciliar ao STF.

Será que quando Maluf roubou os milhões do povo, pensava em seus "fundamentos humanitários"?!

VEJA TRECHO DO DOCUMENTO DE SOLTURA:





Nenhum comentário