Últimas

Braço mecânico restaura os movimentos e sentidos táteis




Amputados que usam próteses poderão no futuro experimentar uma revolução científica para a recuperação de movimentos e sensações táteis.

Pesquisadores da Clínica Cleveland, nos Estados Unidos, acreditam ter aberto caminho para uma nova geração de próteses funcionais . A ideia é melhorar o controle motor e dar mais qualidade de vida aos usuários de membros artificiais.

A nova prótese não só executa os movimentos, mas permite que o usuário sinta que está fazendo isso. Para tanto, a equipe da Clínica Cleveland lançou mão da chamada ilusão tátil. Em pessoas não amputadas, a vibração de vários tendões do braço a uma determinada frequência produz a sensação ilusória de que algumas articulações estão se movendo. Para que os amputados pudessem se beneficiar desse “truque”, os pesquisadores usaram um dispositivo vibratório nos músculos que contêm os nervos redirecionados do braço.

“Ao recuperar a sensação intuitiva do movimento do órgão — a sensação de abrir e fechar as mãos, por exemplo —, conseguimos reduzir a distinção que o cérebro faz do que é pessoa e do que é máquina. Essa descoberta tem importantes implicações para melhorar as interações homem-máquina e nos aproximar mais do que nunca de fornecer a pessoas amputadas uma restauração completa da função natural do braço”, afirma o pesquisador, que chefia o Laboratório de Integração Biônica no Instituto Lerner de Pesquisa da Clínica Cleveland.




Nenhum comentário